ATO DE APOIO A PROFESSORA MARLENE DE FÁVERI

Notícias 07/06/2017

Quase uma centena de manifestantes compareceu ao ato em frente promovido pelo Instituto de Estudos de Gênero (IEG), em frente ao Fórum da Capital, no dia 6 de junho, em apoio à professora Marlene de Fáveri. Ela está sendo processada por uma ex-orientanda de mestrado, Ana Caroline Capagnolo, por suposta perseguição ideológica. A aluna é defensora da Escola Sem Partido e detratora do feminismo, e a luta, que teve manifestações e mesas redondas realizadas em diversos estados do país no mesmo dias, na verdade passou a ser pela defesa dos princípios da liberdade de cátedra, a pluralidade de pensamento e a manifestação e liberdade ao pensamento crítico, posições duramente conquistadas desde o período militar no Brasil. 

Nosso mandato apoia a professora e inclusive protocolou uma moção de apoio, rejeitada pela maioria dos vereadores na Câmara Municipal de Florianópolis, demonstrando mais uma vez a permanente composição conservadora da Casa Legislativa. Durante o ato, colhemos depoimentos de alguns dos presentes para saber quais eram as motivações que as llevam à defender a professora. 

#ApoioMarlene #SomosTodosMarlenedeFaveri

Vídeo