ESCOLA SEM MORDAÇA JÁ!

Notícias 21/08/2017

Repudiamos qualquer ato que fira o direito constitucional previsto pelo artigo 206, o qual garante o pluralismo de ideia e a liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber. São esses os princípios que orientam o ensino no Brasil e que estão sendo desrespeitados pela Escola Sem Partido. O movimento, que é uma falácia em si mesma pois possui vinculação partidária com setores conservadores e de direita, caracteriza-se pela perseguição à professoras e professores em todo país. Mais recentemente encabeçou uma ação que ocasionou o afastamento dos educadores Ricardo Velho e Maicon Fontaine dos cargos que exerciam no Instituto Federal Catarinense no campus de Abelardo Luz, assim como a quebra de sigilo dos computadores e celulares deles e da reitora Sonia Regina. Isso coloca em risco a liberdade de ensino e é uma afronta aos setores progressistas da sociedade brasileira que lutam por educação popular, livre, plural e democrática. Seguimos na luta, sem temer e sem mordaça.