Admiradores prestigiam homenagem a Cruz e Sousa

Notícias 21/03/2014

O Seminário em homenagem aos 116 anos da morte do grande poeta negro Cruz e Sousa, realizado na noite desta quarta-feira, 19, no Plenarinho da Câmara Municipal de Florianópolis, contou com a presença de admiradores do poeta. Palestra do escritor Uelinton Farias Alves, performances de João Batista da Costa, o JB, e a Reflexão sobre o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial, pela coordenadora estadual do Movimento Negro Unificado (MNU) de Santa Catarina, Maria de Lurdes Mina, a Lurdinha, enriqueceram a noite dedicada ao escritor catarinense, representante do simbolismo literário no Brasil, em atividade do mandato do vereador Lino Peres.

O escritor Uelinton trouxe seu conhecimento sobre o poeta feito a partir de estudos que levaram a publicação do livro Cruz e Sousa: Últimos Inéditos: prosa & poesia, com lançamento durante o evento. Em sua palestra, Uelinton contou detalhes da vida do escritor que envolveram o público presente.

No caso da apresentação de JB, funcionário de carreira da Franklin Cascaes, ao harmonizar sua arte expressiva, ele declamou versos do poeta. Ao final, foi aplaudido de pé.

A palestrante Lurdinha trouxe à tona o tema polêmico da violência contra a juventude negra e a gravidade da questão quilombola, principalmente no que se refere à região de São Roque, em Praia Grande , no Sul do estado, divisa com o Rio Grande do Sul.